Juiz reduz processo contra ex-presidente brasileiro Lula no caso Odebrecht – Angola

Havana, 25 de julho (RHC).- Um juiz do 10º Tribunal Federal de Brasília reduziu o número de acusações contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no processo em torno de presumíveis ações de corrupção da construtora brasileira Odebrecht em Angola.

Lula foi isento dos cargos de organização criminosa e lavagem de dinheiro, mas foram mantidas outras acusações. Desde abril de 2018 ele está preso em Curitiba cumprindo pena de oito anos e dois meses de cadeia por suposta corrupção passiva e lavagem de dinheiro, condenado sem provas.

O ex-mandatário reitera que é inocente e que está sendo alvo de perseguição política.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up