Presidente cubano destaca papel de José Ramón Fernández na Revolução

Foto: Archivo.

Havana, 7 de janeiro (RHC).- O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, destacou o papel importante de José Ramón Fernández no processo revolucionário, e lembrou que com sua morte o povo perdeu um dos Puros, como ficou conhecido o grupo de militares de carreira que preferiram ser presos do que servir ao então ditador Fulgencio Batista na segunda metade da década de 1950. Fernández, Herói da República de Cuba, faleceu ontem aos 95 anos de idade.

Em sua conta no Twitter, Díaz-Canel ressaltou que o “Galego” Fernández – como era conhecido – revolucionou a educação cubana no tempo em que foi ministro dessa pasta, e foi um intérprete genuíno das ideias do líder histórico Fidel Castro quanto a impulsionar o ensino público e o esporte. Ao longo de vários anos, ele foi presidente do Comitê Olímpico Cubano. Era fundador do Partido Comunista de Cuba.

O chefe de Estado expressou suas condolências a sua esposa, Asela de los Santos, que perdeu seu amor, ao general Raúl Castro, que perdeu um amigo, e a Cuba, que perdeu um Herói.

José Ramón Fernández receberá uma homenagem amanhã no Panteão dos Veteranos do Cemitério de Colón, em Havana. Posteriormente, suas cinzas serão levadas ao Mausoléu da Segunda Frente Oriental “Frank País”, nas montanhas da Serra Maestra.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up