Associação solidária a Cuba na França exige fim do bloqueio norte-americano

Havana, 13 de maio (RHC).- A Associação Cuba Cooperação França exigiu em Paris o fim do bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA há quase 60 anos, e solicitou ao primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, que peça a Washington eliminar essa política hostil rechaçada pela comunidade internacional.

“Em nome da organização com 25 anos de trabalho na cooperação entre França e Cuba e de seus 17 comitês regionais, pedimos sua intervenção para cessar essa situação totalmente injusta, que castiga com força um povo solidário e amante da paz”, indica o documento assinado pelo presidente da CubaCoop, Victor Fernández. Destaca que o bloqueio dificulta os esforços da Ilha para enfrentar a pandemia.

“Hoje, mais que antes, Cuba enfrenta dificuldades para proteger sua população ao não poder ter acesso a materiais indispensáveis no combate à Covid-19 por causa do bloqueio, que também impede a chegada de doações”, afirma o texto. “Acreditamos que a França deveria atuar nas instâncias internacionais, especialmente na ONU, para que Washington abandone essa política e as medidas coercitivas que a acompanham”, indica a carta da Associação Cuba Cooperação França.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up