Cuba afirma que bloqueio norte-americano dificulta acesso a medicamentos

Havana, 20 de agosto (RHC).- O ministro cubano das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez, denunciou que o bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA desde o começo da década de 1960 dificulta o acesso a medicamentos e equipamentos para o setor da saúde.

No Twitter, Rodríguez sublinhou que especialistas da ONU em direitos humanos confirmaram que as exceções humanitárias às medidas coercitivas unilaterais, previstas ante a pandemia, são ignoradas por Washington.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up