Festival do Novo Cinema Latino-americano de Havana abre com homenagem a Fidel

Havana, 9 de dezembro (RHC).- O 38º Festival do Novo Cinema Latino-americano de Havana começou ontem com uma homenagem ao líder cubano, Fidel Castro, falecido recentemente aos 90 anos de idade.

Na cerimônia, lembrou-se que Fidel foi um dos principais impulsores da chamada sétima arte na América Latina. O Festival decorre até 18 de dezembro. Concorrem aos Prêmios Coral 18 longas de ficção, 22 curtas e médias, 18 óperas primas, 26 documentários e 27 filmes de animação, além de 25 roteiros inéditos e 24 cartazes.

Editado por Martha C. Moya



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up