Presidente da Venezuela garante continuidade dos programas sociais

Havana, 19 de agosto (RHC).- O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, garantiu a continuidade dos programas sociais apesar da queda nos preços do petróleo, principal fonte de ingressos do país.

Falando na sede do governo, em Caracas, Maduro sublinhou que mesmo nessa situação foram preservados os salários e empregos, além dos investimentos em moradia, saúde e ensino público. Também cresceram as verbas destinadas à proteção dos aposentados e pensionistas, e à recreação da população.

O presidente venezuelano exortou as forças políticas e sociais a consolidarem o trabalho pela estabilidade e progresso da nação, e rechaçou a violência promovida pela oposição de direita nos últimos três meses que deixou saldo de mais de 100 mortos, milhares de feridos e volumosos prejuízos materiais.

Por sua vez, a presidente da Assembleia Nacional Constituinte, Delcy Rodríguez, esclareceu que o Parlamento não foi dissolvido, embora continue em desacato, e chamou os deputados a respeitarem a Constituição.

Rodríguez disse que os legisladores devem cumprir as leis e conviver com o poder originário da Constituinte, que acaba de aprovar um decreto através do qual assume as faculdades do Legislativo relacionadas com garantir a paz, a segurança e a soberania, e restabelecer o sistema econômico e financeiro da Venezuela.

Nesse contexto, o chanceler Jorge Arreaza destacou a necessidade de fortalecer os laços comerciais com todas as nações, inclusive com as que seus governos atacaram recentemente a democracia na Venezuela. Arreaza ofereceu aos empresários todas as condições para apostar na cooperação de caráter responsável e os exortou a aderir ao Plano Nacional de Desenvolvimento.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up