ONU chama a erradicar presença de mercenários na África

Havana, 5 de fevereiro (RHC).- A ONU chamou a fortalecer o trabalho com as organizações regionais para barrar a presença de grupos mercenários na África.

Falando no Conselho de Segurança, o secretário-geral, Antonio Guterres, afirmou que é preciso tomar medidas urgentes, além de adotar normas jurídicas e convenções internacionais. Também, melhorar o controle nas fronteiras e nas localidades com maior incidência desse problema através de uma estratégia conjunta da ONU, a União Africana, a Comunidade Econômica dos Estados da África Central e a Interpol.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up