Líderes mundiais satisfeitos com exclusão de Cuba da lista norte-americana de patrocinadores do terrorismo

Havana, 30 maio (RHC).- Líderes, governos e meios de imprensa internacionais saudaram a justa exclusão de Cuba da lista norte-americana de patrocinadores do terrorismo.

O presidente boliviano Evo Morales felicitou o povo cubano pouco depois de ter sido anunciada a remoção formal de Cuba da relação do Departamento de Estado norte-americano. Morales disse que era uma vitória da paz e da unidade revolucionária.

A propósito da notícia, em Madri, o ex-presidente do Uruguai José Mujica disse aos jornalistas que se trata de um passo positivo no reatamento das relações entre Washington e Havana e que os Estados Unidos devem dar mais passos nessa direção.

Os jornais norte-americanos The New York Times, e The Washington Post, qualificaram a iniciativa de passo crucial no quadro dos esforços para restabelecer os vínculos entre ambas as nações.

Editado por Juan Leandro



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up