Vice do Partido Socialista Unificado da Venezuela rechaça sanções dos EUA

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
2017-08-10 12:29:06

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 10 de agosto (RHC).- O primeiro vice-presidente do PSUV, Partido Socialista Unificado da Venezuela, Diosdado Cabello, rejeitou as sanções unilaterais impostas pelos EUA contra oito funcionários desse país, e afirmou que nenhuma ação desse tipo poderá frear o avanço da Revolução Bolivariana.

Em declarações à mídia, Cabello sublinhou que a Assembleia Nacional Constituinte garante os direitos do povo, e falou que a união de todos os cidadãos é necessária para consolidar a paz nacional. As sanções aplicadas pelo Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros dos EUA abrangem o congelamento de bens e fundos no território norte-americano e a proibição de viagens e negócios com essas pessoas.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
Reproduzindo agora
Un lugar para la poesía
A seguir
  • Reflejos

Mais vistas

up