Presidente russo chama a não deturpar a história

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
2021-06-22 21:31:37

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 22 de junho (RHC).- O presidente russo, Vladimir Putin, chamou a comunidade internacional a não deturpar a história e a “reconhecer e correger” erros do passado.

Em matéria sobre o aniversário 80 do começo da chamada Grande Guerra Pátria contra as tropas nazistas, publicada no semanário alemão “Die Zeif”, lembrou que em 22 de junho de 1941 o exército de Hitler fez o primeiro ataque após ter conquistado quase toda Europa.

Putin ressaltou que os soldados da então União Soviética chegaram ao território alemão para liberá-lo do fascismo, e não como vingança, e sublinhou a capacidade dos povos europeus que “puderam superar a alienação e restabelecer a confiança e o respeito mútuos”, mencionando como exemplo a reconciliação histórica entre os povos da Rússia e da Alemanha.

O mandatário lamentou o papel da OTAN como “relíquia da Guerra Fria”, e disse que a Europa da pós-guerra confirma que a prosperidade e a segurança do continente comum só é possível através dos esforços conjuntos de todos os países, inclusa a Rússia.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
Reproduzindo agora
Nuestra América
A seguir
  • Sonido Cubano
  • El Caribe que nos une
  • Desde Mi Habana

Mais vistas

up