CEPAL propõe fundo para ajudar 215 milhões de pobres na América Latina e Caribe

Havana, 13 de maio (RHC).- A CEPAL – Comissão Econômica para América Latina e Caribe propôs aos governos da região criarem um fundo de ajuda para 215 milhões de pessoas que mergulharam na pobreza por causa da pandemia.

“A CEPAL propõe entregar um ingresso básico de emergência durante seis meses a toda a população em situação de pobreza em 2020, ou seja, 215 milhões de pessoas ou 34,7% da população regional”, indicou a entidade.

As transferências de dinheiro deveriam cobrir as necessidades básicas e sustentar o consumo dos lares afetados pela crise sanitária global, considerando que isso seria vital para um reaquecimento sólido e relativamente rápido das economias locais.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up